Cuidados com a pele pós 40 anos

 


Olá, pessoal! Tudo bem? Reapareci depois de um tempo e o papo de hoje será cuidados que tenho com minha pele, após os 40 anos. Pode parecer bobagem e infelizmente, nós mulheres negras e periféricas, devido ao corre diário de trabalho, filhos, família e outros, esquecemos deste pequeno gesto de amor e autocuidado que deveríamo adotar desde criança. Uma pele bonita, visçosa é vaidade sim, mas sinônimo de auto amor e auto estima.

Logo, tenho 43 anos e procuro ter cuidados necessários e diários com minha pele. Embora haja o mito de que pele negra não precisa de tantos cuidados;na verdade, esta é uma fala racista de um mercado cosmético que sempre nos alijou do acesso à beleza. Hoje após muitas lutas, onde me orgulho de ter contribuído como criadora de conteúdo digital, somos vistos de forma diferente. Hoje às lutas contra o racismo institucional e exigência para desenvolvimento de produtos para nosso biotipo, com qualidade e preços acessíveis, tem nos possibilitado à desfrutar deste universo.

Chega de bla-bla-bla e vamos lá: A primeira pergunta, nega é a seguinte:

1. Você já se olhou no espelho hoje e observou sua pele?
2. Se sim, o que te chamou atenção e não te agrada?

Ao longo do tempo a oleosidade excessiva me irritava, mas aprendi que cuidand diariamente da pele, com produtos específicos, podemos ter o controle da tão temida oleosidade. Meu queridinho que me ajudou nisso foi o Gel Desincrustante da La Roche Posay. Preço médio R$ 60,00 Usava uma vez ao dia, seguida de hidratação e filtro solar.

Hoje em dia, minha preocupação é manter o tônus da pele, sua firmeza e sustentação. Para isso, são prreciso investir em produtos para mantê-la assim, mas o que salva, além dos produtos são as massagens faciais que, ao longo do tempo, apontam diferenças gritantes e diminuem muito a flacidez, rugas e pontos onde precisem de preenchimento.
Como disse em posts anteriores, já está na hora de renovar meu preenchimento com ácido hialuronico nas áreas do bigode chines, "ventriloco" e contorno labial; mas enquanto a grana está curta, vou tratando para ter um efeito melhor até poder fazê-lo.

Fiz um vídeo semana passsada e trouxe todos os produtos que estou usando. Deem uma conferida.


            

E aí, O que acharam do vídeo? Espero que tenha ajudado. Beijos e até o próximo post.
Pin It

Bronzeador Erika Bronzer. Vale a pena?


 Olá, pessoal! Tudo bem? A primavera chegou, com ela ver o sol do verão e, mesmo com as limitações do COVID-19, É possível tentar manter a beleza e auto estima em casa.
Nesse momento de auto amor, estou na vibe de me bronzear em casa mesmo, sabe? E hoje há muitas opções de bronzeadores no mercado e a gente fica meio perdida, sem saber qual é o ideal; principalmente para pele negra.
Semana passada decidir iniciar meu bronze. Fiz uma misturinha caseira, Me emplastrei e não deu certo. Talvez porque eu tenha colocado em excesso. Tentei outro bronzeador e não consegui efeito desejado e rápido: aquela marquinha. Daí adquiri o famoso bronzeador da Erika Brinzer.

Erika Brinzer, conhecida na zona oeste do RJ é famosa por iniciar o projeto de bronze na laje, muito comum em nossas comunidades. O negócio cresceu e hoje é conhecida por famosos como Anitta, MC Picahontas Jojo Toddynho entre outras. Assim adquiri o bronzeador . Valor R$ 70,00. Tamanho: 300gr. 
Na aplicação, errei de novo: me emplastei e o resultado não foi o que esperava. Na segunda apliquei uma camada fininha e vi um resultado positivo. 

O SEGREDO É PASSAR UMA CAMADA BEM FININHA

ANTES, cuidados como uma esfoliação, filtro solar e o Brinzer ajudam bastante. Para dar aquele plus, um suco natural a base de laranja, cenoura, mamão e beterraba são excelentes em razão do betacaroteno.

Produto à base de parafina, muito cheiroso, deixa a pele macia mesmo após o bronzeamento e a cor é muito boa. Só achei caro, mas mesmo assim é um bom investimento.
Como peguei gosto pela coisa, vou experimentar outros bronzeadores e compartilhar experiências com vocês.

Beijos e até o próximo post
Pin It

Resenha Geléia de Pentear Pantene

 


Olá, pessoal! Tudo bem? No post de hoje vamos falar em "milagres" em forma de finalização e apresento a geléia de pentear cachos da Pantene.

Como sabem, Pantene é uma marca de varejo (termo usado para designar produtos e serviços de fácil acesso, encontrando com preços acessíveis e em supermercados, quiosques, farmácias e até nas "vendinhas" do bairro) e este produto posso afirmar ser um milagre,

Os prós dele é o resultado: brilho, definição, maciez e rendimento. Os contras, ficam por conta do tamanho e do preço, mas como tamanho não é indicador de qualidade, vale a pena o investimento. Preço: média de R$ 20,00 a R$ 25,00. Resultado surpreendente.

Decidi adquirir porque encontrei- or R$ 20,00 e como Pantene tem produtos excelentes, até por causa do Pro-V, que é associação do dexapantenl (Bepantol) com demais vitaminas, mesmo sendo um produto em conta, ele cnsegue suprir nossas necessidades com preços acessíveis.

Quando a experimentei, fiquei cismada: caro, pote pequeno; mas a bicha tem uma embalagem linda, textura acetinada que não pesa e não deixa aquele aspecto oleoso e pesado da parafina. No toque a gente sente algo diferente.

Lavei meu cabelo, tratei e finalizei com ele por umas quatro vezes e ainda tem creme para usar. Na aplicação a gente não percebe muita coisa, mas depois de seco (seja natural ou com secador com difusor) a mágica vem.

Detalhe: ele deixa um brilho molhado e day after que chega a três/quatro dias quase intocáveis.

Na próxima lavagem, embora o gel retenha água dos fios e tende a quebrar, não percebi isso. Ao contrário.

No vídeo que fiz, falo um pouco mais da minha experiência com ele. Confira.


       

E vocês, já conhecem o produto? Se sim, mande um salve e confira o vídeo.
Aproveite que estão por aqui, já se inscreva em meu canal no YouTube (http://www.youtube.com/feoliveira100)

Beijos e até o próximo post.
Pin It